Julgamento do Caso Rafael é encerrado

(Foto: TJ-RS/Reprodução)

Iniciou hoje,21, o júri de Alexandra Salete Dougokenski, acusada de matar o filho, Rafael Mateus Winques, de 11 anos, no município de Planalto,  e foi encerrado cerca de 11 minutos depois, devido a um desentendimento entre a defesa e a acusação.

Os defensores da ré levantaram questão de ordem, mencionando a existência de um suposto áudio que, segundo a defesa, teria sido enviado por Rafael ao pai, ao longo do dia 15 de maio. Segundo a denúncia, a criança teria morrido na madrugada deste dia. A defesa pediu que o material fosse periciado.

O Ministério Público se opôs. A juíza Marilene Parizotto Campagna negou o pedido.

Defesa e acusação discutiram em plenário, e a banca de defensores de Alexandra Dougokenski deixou o local. A juíza então declarou encerrada a sessão.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.